terça-feira, 22 de junho de 2010

Inverno em Punta Del Este

Não é só de Buenos Aires e Chile que vive o cone Sul. Sim, Punta del Este pode ser uma ótima pedida para passar as férias de Julho. Por que não?? Pertinho, cerca de 747 km de Porto Alegre, com estradas em boas condições, o litoral uruguaio pode ser uma agradável opção para quem não quer ir tão longe, e gastar pouco. A facilidade da língua também pode ajudar na escolha do balneário. Claro que, no inverno, a temperatura média é um pouco fria, lá pelos 13°c, mas nada que um bom vinho, um chimarrão e uma caminhada pela orla não resolva. Há, também, muitas casas de chás deliciosas funcionando nessa época do ano. E, a noite, tem cassino. Não deixe de visitar o Conrad.


A 15km do centro de Punta, encontra-se a Casapueblo, em Punta Ballena. Essa obra arquitetônica, nada convencional e muito bonita, foi cosntruída, nos anos 50, pelo artista plástico uruguaio Carlos Vilaró, conhecido e premiado no mundo inteiro. É lá que ele mora e onde fica seu ateliê. O local também abriga um hotel com 70 quartos, que se debruça para o mar. Vale uma visita, e, não deixe de assistir ao pôr do sol lá de cima. É alucinante.
Museu Casapueblo - Diariamente das 9h até o pôr-do-sol. Ingresso: US$ 5

Também, a 15 km do centro de Punta, está localizada a Playa Barra, uma antiga vila de pescadores que se tornou moda nos últimos verões. Sua noite faz concorrência com a do porto de Punta, com muitos barzinhos, restaurantes, lojas de decoração e ateliês de artistas que dão o clima original e estiloso do lugar. Com uma vista linda do skiline de Punta, a Barra tem casas feitas de pedra ou em estilo mediterrâneo.

Outros 15 km e chega-se a José Ignácio, menor que a Barra. Com todas as suas casas voltadas para o mar, tipo pé na areia, a praia é um reduto hippie-chic, ocupado por endinheirados que gostam da simplicidade. Todas as ruas, sem asfalto, levam nomes de pássaros. Saindo desse paraíso, em menos de cinco minutos a paisagem muda para campo, com grandes fazendas de gado e horizontes longínquos.

Nenhum comentário: